Blog do Órion

Acompanhe o conteúdo do Parque Órion

Órion Parque
9 de agosto de 2018

Entenda porque o seu projeto precisa do ÓrionLab!

O Órion Parque Tecnológico oferece um edital de tempos em tempos para o programa ÓrionLab, disponível para submissão na seção de editais de nosso site. Neste artigo explicaremos o que se trata o ÓrionLab e como fazer para cumprir os requisitos para submeter ideias e negócios inovadores.

O que é o ÓrionLab?

O ÓrionLab é um programa com o objetivo de estimular o desenvolvimento de ideias e de negócios inovadores. A ideia é dar oportunidade para que essas ideias ou negócios possam crescer de forma contínua, melhorando os aspectos tecnológicos e financeiros desses projetos com a finalidade de fazer um produto que se adapte ao mercado.

Quem pode submeter uma ideia ou negócio ao ÓrionLab?

Para submeter uma empresa ao programa ÓrionLab basta que uma solicitação por pessoas físicas ou jurídicas seja feita. Não é necessário que a empresa já esteja formalmente constituída, basta que os integrantes tenham uma ideia inovadora ou um produto que tenha um bom futuro de acordo com as previsões. Portanto, não há grande restrição sobre quem ou quais ideias podem ser submetidas, desde que se encaixem com a proposta do parque.

As vagas destinadas às empresas abrirão de acordo com a disponibilidade de salas dentro do parque tecnológico. O Centro de Inovação contém salas para várias empresas e cada uma delas pode ser ocupada por mais de uma empresa. Dependendo da capacidade, serão alocadas quantas empresas forem possíveis dentro de cada espaço, desde que essa alocação não atrapalhe o desenvolvimento por falta de espaço físico, problemas de operação ou qualquer outro tipo de impasse que possa ocorrer.

Por quanto tempo uma empresa pode ficar no ÓrionLab?

A duração de uma empresa dentro do programa ÓrionLab é de no máximo doze meses. Esse período não é prolongável e começa a ser contado a partir da assinatura do contrato de utilização dos módulos dentro do Centro de Inovação.

As empresas selecionadas desfrutam de quais benefícios?

Cada uma das empresas que tiveram suas propostas selecionadas terão, conforme dito anteriormente, um espaço físico individual ou compartilhado. Outros espaços como salas de reunião, lazer, treinamento e auditório também poderão ser utilizados de acordo com o contrato e com o acordo feito antes de ingressar ao espaço físico.

Além disso, as empresas desfrutarão de alguns serviços específicos dentro do parque tecnológico como:
● Suporte operacional: internet, segurança eletrônica e limpeza dos espaços físicos;
● Suporte operacional específico: assessorias, consultorias, capacitações, eventos para incentivo da criação do produto e apoio para parcerias com universidades e quaisquer empresas públicas, bem como com instituições financeiras e investidores.

Como fazer a inscrição da minha equipe ou empresa?

Antes de qualquer solicitação, é necessário ler o edital referente ao ÓrionLab para compreender totalmente como funciona a submissão de ideias ou produtos para o nosso programa.

Depois de ter lido e compreendido o edital, os solicitantes deverão apresentar uma ficha de inscrição disponível no anexo I do edital, um termo presente no anexo II e o termo de reconhecimento do edital no anexo III.

Quais serão os critérios de avaliação das propostas?

A nota total para uma proposta vai de zero até dez. Existem cinco critérios, sendo que alguns têm mais peso que outros.

O primeiro critério é o perfil dos empreendedores. Valendo 2,5 pontos, tudo será considerado sobre os empreendedores que fazem parte da equipe. O conhecimento sobre negócios e sobre o produto que se pretende fazer, a dedicação, as competências e as qualificações serão todas levadas em conta. Além disso, a experiência no segmento do produto também será considerada.

O segundo critério é a descrição do produto e do negócio, valendo 3 pontos. A qualificação do serviço, produto ou ideia, bem como o estágio de desenvolvimento do negócio também será levado em conta. O terceiro critério é o mercado e vale 2 pontos. O que o produto pode trazer de diferencial para o mercado? Qual a relação entre o custo-benefício? De que forma o produto pode ser divulgado? Tudo isso conta para esse critério.

O quarto critério é o capital e vale 1,5 ponto. Contarão para os pontos os seguintes critérios: a qualificação do investimento, do potencial da captação de recursos, margens e lucratividade e alguns outros presentes no edital.

Por fim, temos o último critério, o de gestão, que vale um ponto. Todo tipo de qualificação em relação à organização, experiência em gestão ou do aperfeiçoamento dela é contado nesse critério.

Para saber mais sobre o projeto ÓrionLab, basta acessar o material completo presente neste link.




© 2018 - Instituto Órion - Todos os direitos reservados